João Azevedo afirma que nota do PSB é “raivosa”e trata partido como águas passadas

Ao ser informado do teor da nota emitida pelo PSB a propósito de sua desfiliação, anunciada no início da tarde de hoje, o governador João Azevedo afirmou que o texto era “raivoso” e que a legenda deveria explicações à Paraíba a respeito da motivação para dissolver o diretório estadual, à época comandado por Edvaldo Rosas. “É mais um ato raivoso que sai. As coisas não são dessa forma. O povo da Paraíba sabe que durante todo esse ano nunca houve uma atitude minha assim. As pessoas têm que explicar porque fizeram a dissolução da executiva e do diretório, mas isso são águas passadas. A vida segue”.

João negou que haja uma programação para promover exonerações na equipe e descartou a necessidade de acomodar “aliados fieis”.

Até o fim de dezembro, o governador garantiu que anunciará seu novo partido.

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Site Footer

Sliding Sidebar