Ricardo chama oposicionistas a João de ‘energúmenos que precisam ser denunciados a cada momento ‘

Energúmenos que precisam ser denunciados a cada momento”. Esta é definição do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) sobre a oposição da Paraíba atualmente. Ele pediu união das pessoas que compõem o governo, incluindo a base governista e os militantes do PSB, para defender o projeto que, de acordo com ele, vem sendo atacado.

“Precisamos fazer uma comunhão em defesa do projeto e em defesa do governo. Vocês sabem como o governo vem sendo atacado. Como aquela oposição que cansou de perder nas urnas e nas ruas está hoje alimentando mentiras, fofocas e futricas para destruir o projeto. Só que eles não são forte a este ponto e serão derrotados novamente pela força do povo, pela determinação do povo e pela correção de rumos que o atual governo tem mantido. Esta é a grande resposta àquela oposição pequena, minúscula, que não consegue dizer nada em favor da Paraíba”, conclamou.

Ricardo Coutinho, presidente da Fundação João Mangabeira (FJM), entidade vinculada ao Partido Socialista Brasileiro (PSB) e responsável pelo fomento de políticas e debates de esquerda no Brasil, acusou ainda a oposição na Paraíba de ser violenta. O socialista os colocou no mesmo ‘balaio’ do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

“Só sabem destruir e acham que ser de direita é ser violento. Eles são uns energúmenos que precisam ser denunciados a cada momento. Não há paz com esse tipo de gente. Não há pacto. Com este tipo de gente, da mesma linha de Bolsonaro, o povo tem que derrotar, derrotar e derrotar. Parabéns, João, pela sua condução”, finalizou.

Site Footer

Sliding Sidebar