Aulas são suspensas na Paraíba e professores circulam UFPB com faixa preta neste Dia Nacional de Greve

O luto da comunidade universitária e o ato de repúdio aos cortes orçamentários promovidos pelo Governo Federal, ao programa Future-se e à reforma da Previdência. Esse é o simbolismo que carrega a faixa preta que foi circulada por professores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), campus I, na manhã desta terça-feira (13) ao redor da instituição.

O ato integra as mobilizações marcadas para esta terça-feira, Dia Nacional de Greve – que está sendo marcado por atos de protesto em pelo menos 13 cidades do país, em cerca de sete estados.

Em João Pessoa, a manifestação vai acontecer em frente ao Lyceu Paraibano, no Centro, a partir das 14h. De lá, os manifestantes devem seguir em passeata até o Ponto de Cem Réis.

Na capital, o Dia Nacional de Greve da Educação e em Defesa das Aposentadorias está sendo organizado pelas seguintes entidades: Adufpb, Sintespb, Sintefpb, Sintep-PB, Sintem, DCE UFPB, UNE, UBES, ANPG, CUT, CTB, FBP, MST, CPT e MTD.

Aulas suspensas

As aulas em instituições públicas de ensino da Paraíba foram suspensas. Isso porque os professores paralisaram as atividades nesta terça-feira (13), em protesto contra os cortes na educação e em defesa das aposentadorias.

Estão sem aulas universidades e algumas escolas da rede pública.

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Site Footer

Sliding Sidebar